Earn2Trade Blog
home broker entenda o que é

Home broker: entenda o que é e como funciona

Home broker é uma ferramenta que ajuda os investidores no seu dia a dia a tornarem as operações de compra e venda de ativos financeiros muito mais ágil e confiável. 

Por meio desse aplicativo, é possível comprar e vender ações muito instantaneamente.

Isso faz com que essa aplicação seja muito útil em especial para pessoas que desejam operar no day trade e se aproveitar das flutuações do mercado financeiro para faturar.

Quer entender tudo sobre o home broker? Então confira o texto abaixo! Boa leitura.

Conheça o Gauntlet Mini, o caminho mais curto para se tornar um trader profissional!

Trader patrocinado earn2trade

O que é home broker?

Home broker é uma plataforma digital que serve para simplificar a compra e venda de ações de empresas listadas na bolsa de valores e de ativos financeiros.

Trata-se de um sistema disponível em bancos e corretoras de investimento que executa ordens de negócio, permitindo que os investidores operem seus papéis de maneira totalmente autônoma.

Antes da invenção do home broker, as negociações de ações na bolsa eram feitas exclusivamente nas mesas de operações.

Nesse cenário, o investidor precisava entrar em contato com a corretora para se posicionar no mercado, o que tornava todo o processo mais demorado.

A partir da invenção do home broker, quando um investidor cadastra uma ordem, ela é concluída imediatamente ou pode ser programada de acordo com o horário de funcionamento da bolsa de valores, o que agilizou muito o processo.

Além disso, outra funcionalidade do home broker – e que também está disponível em corretoras de criptomoedas – é a capacidade de checar a cotação de cada ativo em tempo real.

Para isso, basta digitar o nome ou ticker (código) da ação no home broker, e você terá o resultado com o preço em que ela está sendo negociada naquele exato momento.

Como utilizar o home broker?

Ao contrário do que muitas pessoas imaginam, utilizar um home broker envolve uma operação bastante simples e intuitiva.

Em linhas gerais, o conceito se baseia na conexão entre quem quer vender suas ações, quem quer comprá-las e vice e versa.

O sistema home broker funciona por meio da emissão de ordens de compra e venda do usuário para corretoras ou bancos.

Isso tem como consequência direta um barateamento das transações financeiras, que não necessitam mais de grandes taxas de corretagem ou de um enorme contingente de funcionários para executar todas as operações.

Para ter acesso a essa plataforma, contudo, é necessário criar uma conta em uma corretora de valores. Somente após esse primeiro passo é possível utilizar o home broker.

A corretora fornece um nome de usuário e senha para acesso à ferramenta e, a partir daí, possuindo saldo na conta, já é possível começar a negociação de ativos.

Apesar de possuírem diferenças pontuais, todos eles contam com opções para a negociação de ações, fundos de investimento, títulos do governo e outros ativos.

Ou seja, para começar a utilizar o home broker, basta seguir o seguinte passo a passo:

  1. Crie uma conta em uma corretora de valores;
  2. Espere para que eles te mandem um login e senha do home broker;
  3. Faça seu login;
  4. Envie o dinheiro que pretende investir;
  5. Comece a escolher ativos para compra e venda. 

Quanto custa?

O acesso aos home brokers é gratuito e basta ter uma conta em uma corretora para começar a investir em ativos em tempo real.

Contudo, é importante lembrar que cada corretora possui taxas de corretagem diferentes, ou seja, você ainda vai pagar pelas operações que realizar.

Portanto, se você é um investidor que pretende fazer mais de 10 operações por mês, então é vantajoso contratar pacotes de corretagem para economizar nesses gastos.

Como investir por meio de um home broker?

Agora que você já entendeu o que é um home broker e como utilizá-lo em um primeiro momento, confira o passo a passo de como investir por meio dessa plataforma:

1º Passo – crie uma conta em uma corretora ou banco

O primeiro passo para começar a investir por meio de um home broker é criando uma conta em uma corretora de valores ou em um banco.

Somente com uma conta em uma dessas instituições é que você terá acesso liberado ao home broker e poderá começar a fazer operações no mercado financeiro em tempo real.

2º Passo – envie o dinheiro que pretende investir

O segundo passo é enviar a quantidade que você deseja investir para a corretora ou para o banco que te oferece o serviço de home broker.

Uma vez que este dinheiro cair na sua conta, você estará livre para começar a escolher ativos para comprar.

3º Passo – acesse o aplicativo da corretora

Depois de criar a sua conta em uma corretora ou banco, essas instituições devem te mandar instruções de como acessar o aplicativo de home broker.

Eles provavelmente vão te mandar um login e senha para que você possa começar a fazer as suas operações de onde quer que esteja.

4º Passo – escolha os ativos em que deseja investir

Uma vez que você conseguiu acesso à plataforma de home broker e já enviou o dinheiro que pretende investir para sua conta, é hora de começar a escolher os ativos que deseja investir.

Lembre-se, os ativos que você vai comprar e vender vão depender muito da estratégia de investimentos que você vai utilizar.

Se deseja fazer operações de day trade, por exemplo, provavelmente as ações que você vai escolher serão bem diferentes daquelas que você escolheria se estivesse aplicando uma estratégia de swing trade.

Por isso, também é importante que você se mantenha sempre atualizado sobre as principais estratégias de investimentos e sobre o que acontece no mundo e como esses acontecimentos podem refletir no preço de ativos dentro do mercado financeiro.

5º Passo – preencha o valor e a quantidade desejada

Uma vez que você escolheu em quais ativos deseja investir, basta procurar por eles no home broker, preencher o valor e a quantidade desejada e efetuar a compra.

O sistema vai receber a ordem de compra e ela será concretizada uma vez que se encontre um outro investidor disposto a vender o ativo por aquele preço.

Graças à velocidade proporcionada pelo home broker, essa operação deve ser bem rápida – e o mesmo vale para momentos em que você desejar vender um ativo.

Vantagens e desvantagens do home broker

A principal vantagem do home broker com certeza é o fato da ferramenta prezar muito pela segurança e pela praticidade dos investimentos.

Quando comparamos o home broker com a mesa de operações tradicional, a comodidade do home broker está simplesmente anos à frente.

A plataforma é capaz de enviar notificações sobre as ordens executadas, salvar os históricos das operações e mostrar cotações e notícias do mercado em tempo real em um só lugar.

Outro ponto favorável para o home broker é o fato de ser possível operar não apenas ações, mas toda uma gama variada de ativos financeiros.

A agilidade proporcionada pela plataforma também ajuda a proteger contra variações de preço que eventualmente podem acontecer numa negociação feita na mesa por operadoras.

Por fim, uma das principais vantagens do home broker é o quesito economia, pois as suas taxas são bem menores do que as das mesas de operações.

Entretanto, também é preciso ter um cuidado na hora de operar com o home broker, afinal, estamos falando de um mercado de renda variável onde você realiza as operações por conta própria.

É fundamental se certificar de que a corretora escolhida oferece todas as ferramentas educacionais para que você possa operar corretamente.

Além disso, como os custos para operar variam, também é importante comparar as vantagens e descontos antes de fazer uma escolha final.

Também lembre-se que, como o home broker é acessado via internet, é fundamental ter cuidado com a proteção dos seus dados de acesso.

Aliar a sua escolha a uma boa operadora de internet também é fundamental, afinal, você não quer perder a sua conexão quando estiver operando.

No fim das contas, a boa utilização da ferramenta home broker está nas suas mãos. 

Como escolher o melhor home broker para trader?

Agora que você entendeu como funcionam os home brokers, deve estar se perguntando como escolher o melhor para começar a operar, não é mesmo?

Então confira a seguir o passo a passo de como escolher o melhor home broker para trader:

Conheça bem a corretora de valores

O primeiro passo para escolher um bom home broker para começar a operar é pesquisar pelas principais corretoras e bancos que oferecem esse tipo de serviço.

Você deve escolher uma plataforma segura, com uma boa reputação e com a qual você possa contar em qualquer situação.

Cheque quais são os custos por operação

Cada corretora ou banco possui suas próprias taxas cobradas por operação. É por meio dessas taxas que eles viabilizam o negócio e conseguem se manter operantes.

Entretanto, como o mercado é muito competitivo, algumas corretoras oferecem mais benefícios do que as outras.

Portanto, procure pela corretora que vai te oferecer a maior quantidade de benefícios.

Se você pretende operar uma com uma frequência alta, por exemplo, o ideal é escolher corretoras que oferecem descontos e vantagens para quem aplica essa estratégia.

Verifique se existem especialistas prontos para tirar dúvidas

Operar por conta própria não é o mesmo que operar sozinho, sem assessoria alguma.

Por isso, confira se a corretora possui especialistas de renome no mercado que estão disponíveis para tirar dúvidas dos investidores, independentemente do seu nível de conhecimento. 

Conheça o Gauntlet Mini, o caminho mais curto para se tornar um trader profissional!

Conclusão

O home broker é uma aplicação essencial para quem deseja começar a entrar no mercado financeiro e trabalhar comprando e vendendo ativos financeiros.

Por meio dele, é possível ter agilidade nas operações, que podem ser feitas em tempo real, e total autonomia, já que é possível fazer tudo sozinho de maneira simples e descomplicada.

Se você pretende investir regularmente, o ideal é procurar por uma corretora ou banco que ofereça pacotes de desconto para investidores que operam com certa frequência.

Dessa forma, é possível diminuir os custos com taxas de corretagem e reinvestir esse dinheiro nos ativos que irão compor sua carteira de investimentos.

Trader patrocinado earn2trade