pt
en
es
ar

Blog

Guias de trading, webinários e histórias

Ichimoku Cloud – Como usar a Nuvem de Ichimoku no Trading

Ichimoku cloud
F T L
9 minutos de leitura

À primeira vista, o gráfico da Nuvem de Ichimoku (ou Ichimoku Cloud) pode parecer uma obra de arte abstrata, considerando todas as linhas e espaços coloridos e ondulados. No entanto, quando você aprender a interpretar, você vai notar rapidamente que ela é relativamente fácil e simples de entender, ela pode até mesmo se tornar uma das suas ferramentas favoritas para operar. Este guia para iniciantes explora os conceitos básicos do indicador Ichimoku Cloud .

Vamos abordar como você pode usá-lo para identificar entradas e saídas ideais do mercado, e também explicaremos como entender sua fórmula e a melhor configuração para operar.

Conteúdo:

O que é o Ichimoku Cloud (Nuvem de Ichimoku)?

Também conhecido como Ichimoku Kinko Hyo, o Ichimoku Cloud é um instrumento de análise técnica popular e flexível. Ele faz parte da categoria de indicadores de tendência. Como em todos os indicadores de tendência, o Ichimoku Cloud pode lhe ajudar a identificar a direção e os pontos de reversão das tendências predominantes do mercado. Ele exibe os níveis de suporte e resistência, a direção da tendência e mede os indicadores para um ativo operado.

Em japonês, Ichimoku Kinko Hyo significa “gráfico de equilíbrio de uma olhada” e essa pode ser uma descrição adequada. Os traders podem identificar facilmente as direções das tendências do mercado e os possíveis sinais de compra e/ou venda com apenas uma olhada no gráfico Ichimoku.

Este indicador também pode funcionar como um oscilador. Você pode usá-lo para avaliar a velocidade da ação de preço para um ativo específico. Em suma, o Ichimoku Cloud é conhecido por ser uma ferramenta única que cria uma base viável para qualquer estratégia de trading.

Você também pode gostar:

Uma breve história sobre o Ichimoku

O inventor do indicador Ichimoku Cloud foi Goichi Hosoda. Na época, ele era um jornalista japonês pouco conhecido, que cobria com frequência o tema de mercados de arroz do Japão. Ele era extremamente talentoso, especialmente quando se tratava de entender as alterações de preços e de como eles reagiriam em determinadas áreas de um gráfico. Essas reações únicas de preços são o que chamamos de níveis de suporte e resistência hoje.

Goichi começou a trabalhar no indicador Ichimoku em 1930, juntamente com vários estudantes. Ele os encarregou de executar milhares de cálculos em diversos cenários na tentativa de chegar a um indicador completo, ou um indicador “tudo-em-um”, para avaliar os mercados financeiros com mais eficiência. Ele levou mais de 35 anos refinando a sua criação antes de finalmente publicá-la em 1969.

Após seu lançamento à público, o Ichimoku Cloud tornou-se rapidamente o indicador mais usado nos mercados financeiros japoneses. No entanto, ele só ganhou exposição no ocidente no final dos anos 90. Principalmente devido à falta de tradução e de um entendimento aprofundado da ferramenta.

Cálculo e Linhas Principais do Ichimoku Cloud

Para utilizar o Ichimoku Cloud é importante primeiro ter ao menos o entendimento básico das cinco linhas principais no gráfico padrão do Ichimoku Cloud e do que elas representam. Para facilitar as coisas, incluímos as traduções em português entre parênteses nos títulos.

como usar a nuvem de ichimoku
Gráfico mostrando as cinco principais linhas do Ichimoku Cloud | Fonte: Finamark

1. Tenkan-sen (linha de conversão)

O Tenkan-sen (Linha de Conversão) é calculado somando o valores mais altos e mais baixos dos últimos 9 períodos, dividido por 2.

Fórmula:

(9 períodos de máxima + 9 períodos de mínima ) / 2

Embora ele seja um pouco semelhante à Média Móvel Simples (SMA), Goichi acreditava que era mais importante se concentrar na ação dos preços e seus extremos, em vez de suavizar os dados durante um determinado período. Isso ocorre porque a ação do preço indica o ponto de entrada no mercado. Dessa forma, a Linha de Conversão reflete melhor o preço do que as médias móveis.

2. Kijun-sen (linha de base)

O Kijun-sen (Linha de Base) representa a tendência geral de um instrumento operado ou de um par (no caso de Forex). Ela é derivada da mesma fórmula da Linha de Conversão, considerando a ação do preço da maior alta e da menor baixa. Mas, em vez de fazer uso dos últimos 9 períodos, são considerados os últimos 26 períodos, divididos por dois posteriormente.

Fórmula:

(26 períodos de alta + 26 períodos de baixa) / 2

O foco está nos 26 períodos. Isso porque quando Goichi criou o Ichimoku Cloud, os mercados japoneses operavam 6 dias por semana. Ou seja, existiam 26 dias de negociação em um mês. Portanto, o Kijun-sen (Linha de Base) controla essencialmente os altos e baixos de ação do preço para o último mês. No entanto, ele também pode tratar de quaisquer 26 períodos, dependendo da forma de ver o gráfico. Por exemplo, podem ser 26 horas, dias, semanas ou até meses.

3. Senkou Span A (período líder A)

Ele é formado com a junção do Tenkan-sen (Linha de Conversão) ao Kijun-sen (Linha de Base) dividindo o total por dois. Este cálculo é feito para os 26 períodos à frente.

Fórmula:

(Linha Tenkan-sen + Linha Kijun-sen) / 2

O Senkou Span A (Período Líder A) forma um dos dois limites da Nuvem de Ichimoku. São plotados 26 períodos no futuro, portanto, ele possui algumas qualidades preditivas baseadas no momento.

Essencialmente, a primeira parte da Nuvem de Ichimoku (também conhecida como Kumo) é baseada nas linhas de ação dos preços em evolução. Estes são meia tendência, meio momento. Juntos, você obterá o Span A, que muda continuamente devido à aceleração ou desaceleração das alterações de preços.

4. Senkou Span B (período líder B)

Essa linha é calculada com a máxima mais alta, adicionando a menor mais baixa dos últimos 52 períodos e depois dividindo-a por dois. Da mesma forma que o Senkou Span A (Período Líder A), esse cálculo é feito para os 26 períodos seguintes.

Fórmula:

(52 períodos de alta + 52 períodos de baixa)/2

O Senkou Span B (Período Líder B) forma a outra extremidade da nuvem em um gráfico de preços para um determinado ativo. Juntamente com o Senkou Span A, a nuvem ajuda a identificar áreas de suporte e resistência para operações futuras.

Ele se baseia unicamente na ação de preço do ativo nas últimas 52 velas, dependendo do período usado no gráfico. Por exemplo, se você estiver usando um gráfico diário, você estará considerando os últimos 52 dias. Como alternativa, se você estiver usando o gráfico medido por horas, você precisará considerar a ação de preço nas últimas 52 horas de operação.

5. Chikou Span (período de atraso)

Essa linha é calculada plotando os 26 dias anteriores, daí vem o nome indicador de “atraso”. Os preços de fechamento dos 26 períodos anteriores são retirados dos 26 períodos de operação mais recentes. Ele é utilizado para indicar possíveis áreas de suporte e resistência no gráfico. Alguns traders preferem não usar o Chikou Span, pois ele é se baseia em dados históricos.

No entanto, ele pode ser útil para acompanhar a tendência predominante do mercado em relação ao momento atual dos preços. Portanto, pode ser uma medida viável do sentido de análise do mercado.

Como usar e operar com o Ichimoku Cloud

Agora que você tem uma ideia das linhas e áreas que compõem a Nuvem de Ichimoku, vejamos o que estes sinais significam no trading. Veja o que você deve ter em mente depois de plotar o Ichimoku no gráfico do ativo que você está operando:

  • Quando os preços estão abaixo da nuvem, isso significa que o mercado está em tendência de baixa. Logo, caso os preços estejam acima da nuvem isso significa um mercado de alta. Lembre-se de que existe a possibilidade de um período “sem tendências” em que o preço está parado dentro da Nuvem. Essa área é conhecida como zona de ruído e pode ser prudente evitar tomar posições quando o preço estiver dentro dessa área.
  • Quando o Senkou Span A sobe acima do Senkou Span B, significa que há um momento de alta no mercado. Logo, isto indica um sinal de compra. Por outro lado, quando há uma tendência de queda no Senkou Span A, caindo abaixo do Senkou Span B, isto indica momento de baixa. Este geralmente é um sinal de venda.
  • Quando o Tenkan-sen (Linha de Conversão), Kijun-sen (Linha de base) e o preço do ativo estão todos acima da nuvem e o Tenkan-sen (Linha de Conversão) cruza com o Kijun-sen (Linha de Base) na parte de cima, este é um sinal de compra. O inverso ocorre caso o Tenkan-sen (Linha de Conversão), Kijun-sen (Linha de Base) e o preço estiverem todos abaixo da Nuvem.

Outras estratégias

Uma das principais estratégias é procurar por formações mais finas das nuvens no gráfico, pois elas geralmente fornecem uma previsão de uma inversão que se aproxima. A boa notícia é que, como a Nuvem é traçada 26 períodos à frente, você normalmente tem tempo de sobra para identificar essa janela de reversão. Como você deve saber, identificar e cronometrar uma reversão é uma das coisas mais difíceis de se fazer ao operar. Este é o momento em que a Nuvem de Ichimoku se torna útil.

Para maximizar a eficácia desse indicador, considere usá-lo juntamente com outras importantes ferramentas de análise técnica. Por exemplo, o Índice de Força Relativa (RSI) pode ajudar a confirmar a direção específica de um determinado momento do mercado.

Configurações do Ichimoku Cloud

O processo para configurar a Nuvem de Ichimoku em um gráfico normalmente depende da plataforma que você está usando. Por exemplo, se você estiver usando a Finamark, basta clicar no ícone Opções do Indicador na parte superior central dos seus gráficos.

configuração ichimoku cloud

Selecione sua coleção à esquerda e clique em Ichimoku na coluna de indicadores disponíveis no meio. Isso fará com que você o adicione à sua lista de indicadores ativos à direita.

indicadores finamark

Depois de adicionado aos seus indicadores ativos, você pode personalizar as cores da linha e os períodos de tempo que achar melhor, clicando no ícone da catraca. Se você está apenas começando a utilizar esta ferramenta, mantenha as configurações padrão.

Configurações Nuvem Ichimoku

Muitas outras plataformas de operação também devem ter este indicador.

Considerações finais

O sistema Ichimoku Cloud é uma ótima ferramenta para ajudar você a identificar sinais ideais de compra e venda. Ele também lhe ajudará a detectar correções e a ter uma visão geral do sentimento do mercado. Quando usado corretamente, ele pode servir como uma maneira fantástica de melhorar a taxa de risco-recompensa para suas operações e melhorar muito o seu estilo de operação.

Dito isto, lembre-se de que este guia é apenas um ponto de partida para entender como utilizar este incrível indicador. Dessa forma, você deve estar comprometido com o aprendizado contínuo, acumulando conhecimentos sobre a melhor maneira de executar suas operações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados

O que é hedge em finanças? Aprenda a proteger seus investimentos

Prop Trading – O que é e como funciona uma mesa proprietária?

Indicadores Técnicos – Um guia para iniciantes