Earn2Trade Blog
Paper Trading

Paper Trading – O que é e como funciona?

O paper trading é uma prática conhecida há muito tempo, tendo surgido muito antes da Internet e das plataformas de trading online. Antes da popularização das contas simuladas online, os traders de ações iniciantes anotavam a que preço queriam comprar ou vender uma determinada ação. No fim do dia, esses traders comparavam o preço de mercado com o preço de entrada para medir seu desempenho especulativo. Neste artigo, vamos analisar o que é paper trading e apresentar as melhores dicas para que você possa começar a operar com uma conta simulada.

blog ad pt e2t

O que é paper trading?

O paper trading é uma forma de operar sem precisar arriscar nenhum centavo do seu dinheiro. Esse conceito evoluiu ao longo de algumas décadas à medida que as operações passaram a ser feitas no mundo digital. Atualmente, os traders não precisam mais utilizar uma caneta e um pedaço de papel para acompanhar suas posições abertas. Em vez disso, a maioria das plataformas de trading oferece aos traders uma conta simulada integrada, com a qual eles podem simular a experiência do trading em tempo real e fazer uso de todos os recursos que a plataforma tem a oferecer.

Em resumo, se você quisesse comprar uma ação e o seu preço fechasse abaixo do preço de entrada no mercado, você teria um prejuízo. Por outro lado, se você quisesse vender a ação e o o seu preço fechasse acima do seu valor de entrada no mercado, você também poderia ter um prejuízo.

Com a ajuda do paper trading, você pode anotar a quantidade de perdas que teve ao longo do dia ou simplesmente avaliar o desempenho da sua estratégia de trading em relação à sua taxa de ganhos, taxa de risco por recompensa e lucratividade geral do sistema.

Atualmente, o processo para operar em uma conta simulada é quase idêntico ao de operar em uma conta real. A principal diferença é que, com a conta simulada, você não arrisca seu capital. Na verdade, você opera com dinheiro virtual para testar a plataforma de trading e sua própria estratégia e assim ganhar mais confiança nas suas habilidades como day trader.

Você também pode gostar:

Os benefícios do paper trading

  • Você pode usar o paper trading para explorar sua zona de conforto.
  • Essa prática lhe dá a confiança necessária para lidar com o estresse antes de operar com valores reais.
  • Você pode testar sua estratégia para ver se ela é viável no mercado.

Depois de aprender a executar operações em uma conta simulada, você poderá aprimorar ainda mais suas habilidades de gestão de capital para não arriscar mais dinheiro do que sua conta pode suportar. Além disso, ao operar em uma conta simulada, você pode experimentar diferentes métodos de execução de ordens, usando as funções de stop loss e ordens limitadas para se sentir mais confortável e descobrir sua maneira preferida de operar.

Você também pode operar nos mercados com base em tempos gráficos diferentes para ver como você lida psicologicamente com a rápida mudança de preços em gráficos de cinco minutos, em comparação com a operação com um gráfico diário, por exemplo.

Embora fazer tudo isso usando uma conta de paper trading lhe dê mais confiança, o mais importante é aprender a operar com lucratividade durante um período de algumas semanas ou meses. Se você for capaz de operar de maneira lucrativa por vários meses consecutivos, isso definitivamente aumentará sua confiança.

Como o paper trading funciona?

Se você está começando e não faz ideia do que é uma conta simulada e de como ela pode lhe ajudar a operar melhor, separamos uma série de dicas que vão fazer com que suas habilidades de trading melhorem consideravelmente. Confira abaixo essas dicas e como elas podem lhe ajudar a se tornar um day trader profissional.

O paper trading lhe dá mais confiança

A maioria das pessoas tem grande admiração pelas certezas da vida. Isso acontece porque a maioria das habilidades que aprendemos na escola não é ambígua. Na maioria das funções, dois mais dois sempre é quatro. No entanto, o trading, por natureza, lida com incertezas e riscos.

Embora os traders profissionais, que normalmente possuem um forte conhecimento financeiro, sejam frequentemente treinados para quantificar incertezas, a maioria dos traders de varejo não tem ideia de como lidar com o estresse resultante das atividades de day trade.

Claro, você pode ter a melhor estratégia de trading possível e um capital elevado para se entrar no mercado e ter toda a confiança do mundo para fazer seu trabalhar diariamente. No entanto, se você não souber lidar com incertezas e riscos, operar ações ou Forex pode causar um grande estresse, e isso pode esmagar sua autoconfiança e destruir sua carreira como trader.

No entanto, se você começar a sua carreira com paper trading, isso poderá ajudá-lo a ganhar a confiança necessária para lidar com o estresse antes de operar com dinheiro real.

Se você fizer uso da conta simulada para explorar sua zona de conforto, você obterá mais confiança ao operar, e isso o ajudará a se tornar um trader lucrativo no final.

Pense na conta simulada como uma cabine de realidade virtual em que pode treinar para se tornar um piloto de uma grande aeronave. Você acha que poderia pilotar um Boeing 777 sem praticar muito antes? Certamente não!

Use o mesmo saldo na sua conta real e na conta simulada

Se você já acessou o site de qualquer corretora, provavelmente já viu anúncios de contas de paper trading gratuitas no valor de US$50.000. Bem, se você está operando com dinheiro virtual, realmente não importa se você tem US$50.000 ou US$1 milhão na sua conta.

No entanto, existe um forte argumento para manter o saldo da sua conta simulada próximo ao que você utilizaria na sua conta real. No que diz respeito à psicologia humana, somos escravos de nossos hábitos. Quando se trata de operações, temos a tendência de atribuir valor a quantias que correspondem à nossa memória ou às experiências de curto prazo.

Se você é um trader comum e deseja começar a operar com apenas US$10.000, mas antes abre uma conta de paper trading com saldo inicial de US$100.000, essa diferença de valor pode causar problemas.

Em primeiro lugar, você treinará seu cérebro para ver números muito mais altos na coluna de ganhos e prejuízos do extrato da sua conta. Segundo, ao calcular o tamanho da sua posição, suas ordens serão dez vezes maiores do que o que você normalmente operaria com uma conta real. Mesmo com um bom sistema de gestão de capital, esse valor pode causar um grande impacto.

Conta de paper trading (simulada) com um saldo de US$100.000Conta real com um saldo de US$10.000
Um prejuízo de US$1.000 equivale a 1% do saldo da sua contaUm prejuízo de US$1.000 equivale a 10% do saldo da sua conta
As ordens são 10x maioresVocê pode ficar menos preocupado com prejuízos relativamente menores
Você treina seu cérebro a ver números muito mais altos na coluna P&LVocê pode manter os prejuízos por muito mais tempo, esperando que a situação se reverta

Não há um efeito negativo garantido

Não estamos dizendo que isso terá um efeito negativo na forma como você opera. No entanto, à medida que você treina seu cérebro a lidar com números maiores no paper trading, isso certamente pode atrapalhar seu discernimento, principalmente se você estiver apenas começando a operar.

Após trocar para uma conta real, com um saldo muito mais baixo, você pode acabar se sentindo mais tranquilo com as perdas relativamente menores. Por exemplo, se você estiver acostumado a aplicar US$1.000 por operação em uma conta simulada de US$100.000, após mudar para uma conta real de US$10.000, um prejuízo de US$500 pode não precoupá-lo como deveria.

Muitos traders iniciantes cometem o erro de manter suas perdas por mais tempo do que deveriam, na esperança de que o mercado mude em breve. Pode parecer contraintuitivo, mas quanto maior o prejuízo acumulado, mais difícil fica para os traders iniciantes aceitarem essas perdas.

Portanto, operar com um saldo elevado na sua conta simulada pode ter um efeito negativo sobre como você lida com o estresse e atribui valor ao capital da sua conta real.

Evite sistemas que se ajustam à curva

Você provavelmente já ouviu falar de backtest, que é basicamente o processo de conferir se uma estratégia funcionaria ou não no passado. Ao pesquisar no Google, você encontrará milhares de “estratégias de trading lucrativas” à venda, cujos desenvolvedores prometem uma taxa de retorno altíssima para o seu investimento.

O problema é que a maioria desses sistemas de operação prontos é criado por ajuste de curvas. Desenvolver uma estratégia lucrativa é um trabalho árduo. No entanto, é incrivelmente fácil fazer com que seu sistema funciona como mágica. Basta analisar o histórico do gráfico e ajustar as configurações do indicador para que os resultados correspondam aos dados históricos.

Se você se deparar com um sistema que alega oferecer retornos extraordinários, não acredite cegamente. Tente experimentar o sistema por vários meses, com uma diversidade de ativos e períodos de tempo em uma conta de paper trading, antes de começar a operar sua conta real.

A importância do forward testing

Operar em um sistema com uma conta simulada em tempo real é chamado forward testing. Quando você faz esse tipo de teste, também pode brincar com certos parâmetros do sistema para adaptá-lo ao seu estilo de trading pessoal. É assim que você descobre o que funciona melhor para você.

Alguns traders mais experientes afirmam que aplicar o forward testing em uma conta de paper trading não proporciona uma experiência psicológica realista, já que seu capital real não será colocado em risco. Por isso, eles defendem que os traders abram contas menores para operar quantias mais baixas e sentir um pouco da emoção do trading.

No entanto, durante o forward testing, é sempre melhor testar um sistema com dinheiro virtual em vez de arriscar seu capital, mesmo que sejam apenas alguns centavos. Afinal, você sempre pode testar um sistema por algumas semanas antes de testar a sua conta menor e, se tudo correr bem, trocar para sua conta maior posteriormente.

Traders profissionais operam mais em contas simuladas

Ao começar como day trader, é comum ficar ansioso para operar com dinheiro real. A maioria dos traders iniciantes considera os riscos inerentes ao trading como uma fonte de emoção e não como algo preocupante.

É por isso que muitas pessoas associam traders inexperientes a apostadores, afinal ambos demonstram características semelhantes. Em vez disso, os traders profissionais, com anos de experiência em seu currículo, dirão que eles costumam gastar a maior parte do dia operando com dinheiro virtual. Traders profissionais não operam para ganhar uma operação específica. Eles operam de acordo com um sistema.

trader iniciante vs trader profissional
Traders e o paper trading

A maioria dos traders inexperientes ficam preocupados com o resultado de uma única operação, provavelmente porque eles estão superexpostos ou apostando 10% de sua conta em uma só operação. Enquanto isso, os traders profissionais são muito mais meticulosos quanto ao processo como um todo.

Os traders institucionais sabem que seu sistema lhes oferece uma vantagem sobre o mercado e, se seguirem estritamente suas regras em uma série de 100 operações, eles se darão bem em uma certa porcentagem das operações, segundo uma certa relação entre risco e retorno, o que lhes renderá muito mais lucro.

É por isso que os traders profissionais levam muito a sério o paper trading. Eles não ficam apenas esperando até que o mercado ofereça a oportunidade de entrada perfeita. Eles utilizam sua conta de trading simulada para testar novas estratégias, as quais podem oferecer melhor rentabilidade do que a do sistema atual.

Uma conta simulada não substitui uma conta real

Lembre-se de que o paper trading não substitui as operações em uma conta real. De fato, se você operar com uma conta simulada por muito tempo, o tiro pode acabar saindo pela culatra e ter um impacto negativo na sua carreira como trader no futuro.

O paper trading não traz consequências ruins. Com essa prática, você só investe o seu tempo. No entanto, se você deseja ter uma experiência no trading, uma conta simulada não será o suficiente.

Os seres humanos evoluíram para lidar com situações de risco, liberando um hormônio chamado adrenalina, que prepara nossos corpos e mentes para lidar com situações de perigo. Ao operar com uma conta simulada, não há essa injeção de adrenalina; você não sente os efeitos de um sentimento físico de intensa excitação e estímulo.

Para se tornar um trader experiente, você precisa passar horas usando uma conta real para se familiarizar com essa sensação de lidar com altos níveis de adrenalina.

Independentemente das suas habilidades ou do quão lucrativo você seja com uma conta simulada, a menos que você tenha arriscado dinheiro real e tenha passado pelas emoções causadas por perdas e ganhos reais no mercado, você ainda não saberá como é de fato operar.

No final das contas, trabalhar com trading é um jogo psicológico, e o mercado testa o quão emocionalmente estável e resiliente você é. Portanto, estabilidade emocional e disciplina são o que separam os traders lucrativos dos amadores. É por isso que apenas uma pequena parte dos traders obtém lucros no mercado, e a maioria deles acaba tendo prejuízos no longo prazo.

Conclusão

Você nunca aprenderá a operar corretamente, a menos que aceite o fato de que o trading envolve aceitar as perdas. Todos os sistemas de trading, independentemente da precisão deles, causarão prejuízos às vezes. Para se tornar um trader lucrativo, é preciso pensar em termos de estatística, fazendo uma série de operações com base no mesmo critério. Talvez a maioria delas seja lucrativa, mas você pode acabar tendo prejuízo em algumas. O importante é que, no longo prazo, seu sistema seja lucrativo.

Contas simuladas nunca lhe darão a sensação de sofrer um grande prejuízo e ter que lidar com esse sentimento. É uma sensação amarga, porém necessária. Traders que operam em contas reais precisam conviver com esse desconforto diariamente para se familiarizarem com sua zona de conforto.

A menos que você já esteja emocionalmente condicionado a sofrer um grande prejuízo e saiba como lidar com ele – em vez ficar na expectativa de que o mercado lhe favoreça –, você nunca poderá se tornar um trader de sucesso.

Dito isso, as contas simuladas ainda podem desempenhar um papel primordial, ajudando você a se acostumar com o mundo do trading e aprender a operar e gerenciar seu dinheiro. Se você operar com sucesso por alguns meses e perceber que está lucrando de maneira consistente, não espere muito tempo. Comece a operar com uma conta real para entrar no jogo o mais depressa possível.