pt
en
es
ar

Blog

Guias de trading, webinários e histórias

Trava de Alta – Entendendo Put Spreads e Call Spreads

bull spread
F T L
15 minutos de leitura

Devido às especificidades da classe de ativos e ao alto potencial de lucro, operar opções pode parecer uma oportunidade tentadora para iniciantes. Muitos entram nesse tipo trading com uma compreensão muito limitada de como as coisas funcionam, o que acaba causar grande problemas. O trading de opções é muito complexo, exibindo experiência e um conjunto específico de habilidades. Neste artigo, falaremos sobre a Trava de Alta, uma das estratégias mais usadas por traders profissionais. Além disso, mostraremos como você pode usá-la para otimizar seu desempenho e aproveitar o grande potencial das operações com opções.

Conteúdo:

O que é uma Trava de Alta?

A Trava de Alta (“bull spread”, em inglês) é uma estratégia usada por traders de opções quando há uma expectativa de alta no preço do ativo subjacente. Essa estratégia envolve comprar e vender simultaneamente opções de compra (call) ou venda (put) com a mesma data de vencimento e o mesmo ativo subjacente, mas com preços de exercício diferentes. A ideia é comprar a opção com um preço de exercício mais baixo e vendê-la com um preço de exercício mais alto.

Dependendo do tipo de opção, a estratégia tem duas variações. Uma delas usa opções put, sendo conhecida como “put spread” – ou Trava de Alta com Put –, enquanto a outra usa opções call, e por isso é conhecida como “call spread” – ou Trava de Alta com Call. A principal diferença entre elas se dá no momento dos fluxos de caixa.

Não se surpreenda ao ouvir os termos “debit spread” ou “credit spread”. A ideia é que, após iniciar a operação, você basicamente gera uma dívida/ganho líquido para a conta. O motivo disso é que o custo da compra é maior/menor que o da opção vendida. No entanto, estes são apenas outro nomes para a mesma estratégia, não havendo qualquer diferença.

Você também pode gostar:

Como funciona a Trava de Alta

Como o nome em inglês (“bull spread”) sugere, para que a Trava de Alta funcione, deve haver uma diferença e um movimento de alta no mercado em seguida. A estratégia funciona por meio da compra e venda simultânea de uma opção put ou call, na tentativa de lucrar com a diferença em seus preços de exercício.

Call Spread

A estratégia de call spread, por exemplo, exige que o trader compre uma opção de compra (call) com um preço de exercício mais alto do que o preço de compra atual das long calls Para que isso funcione, o trader deve comprar e vender simultaneamente uma opção call com a mesma data de vencimento – ou seja, uma operação de short call. Em seguida, ele receberá um prêmio suficiente para cobrir uma parte dos custos da primeira long call. 

No final, o investidor lucra com a diferença (spread) entre os preços de exercício das opções compradas e vendidas, descontando seus custos líquidos. A perda máxima a que ele está exposto é limitada ao prêmio que ele pagou pelas opções.

Put Spread

Por outro lado, a estratégia de put spread, também conhecida como “credit spread”, exige que o trader venda uma opção de venda (put) com um preço de exercício mais alto do que o preço atual das long calls. Ao aplicar essa estratégia, o trader primeiro gera crédito em sua conta, já que a opção comprada normalmente custa menos do que a vendida. 

Ele paga e recebe um prêmio pelo conjunto das operações. O prêmio que o trader paga é pela compra da opção put. Enquanto isso, o prêmio recebido é por vender a opção a um preço de exercício mais alto.

Portanto, qual é o lucro máximo que um trader pode obter ao aplicar essa estratégia? O lucro máximo é igual à diferença entre o prêmio pago e o prêmio recebido pelas opções put operadas. Nesse caso, a perda é limitada à diferença entre os dois preços de exercício, menos o crédito recebido inicialmente.

Call Spread

A estratégia bull call spread ou apenas call spread, como é mais conhecida, é aplicada quando o trader espera um aumento moderado no preço do instrumento operado. 

Ela envolve a compra de uma opção in-the-money (long call) com um preço de exercício mais baixo e a venda de uma opção out-of-the-money (short call) com um preço de exercício mais alto, ambas com a mesma data de vencimento. 

Ao usar a estratégia de call spread, o trader faz um pagamento adiantado pela aquisição dos dois instrumentos. Isso significa que ele faz um investimento inicial esperando obter ganhos após o vencimento dos instrumentos.

À medida que o preço do ativo subjacente começa a aumentar, o mesmo ocorre com a lucratividade do call spread. O lucro cresce até o nível do preço de exercício na venda da opção call. No entanto, se o preço do instrumento ultrapassá-lo, os ganhos não continuam subindo. O lucro é limitado, portanto o trader sabe desde o início exatamente quanto ele poderá ganhar

O mesmo vale quanto às perdas. Se o trader errar a tendência futura e o preço do instrumento subjacente começar a cair, ele sofrerá perdas. Não importa quanto o preço caia, suas perdas não excederão o preço de exercício na compra da opção call.

Exemplo de Call Spread

Vamos supor que você esteja interessado em uma opção call para a ação XYZ. Você a compra em 15 de junho, quando está sendo operada a US$190, com um preço de exercício de US$200. Você paga US$5 por contrato.

Simultaneamente, você vende uma opção call de XYZ a um preço de exercício de US$210 e recebe US$2,50 por contrato. O custo líquido para criar essa diferença é de US$2,50. Se o tamanho do contrato for 100, essa operação equivale a um prêmio ou custo líquido de US$250.

Agora, se a ação XYZ ficar abaixo do preço de exercício de US$200, as duas opções não valerão nada no vencimento, e você perderá o prêmio pago – com um custo líquido de US$2,50 por contrato.

No entanto, se a ação XYZ chegar a US$211, o valor da sua opção call de US$200 aumentará em US$10, enquanto o valor da call de US$210 permanecerá US$1. Qualquer ganho adicional na opção call de US$200 será perdido. Seu lucro total em ambas as opções call seria igual a US$9 (ganho de US$10 menos o custo líquido de US$1) por contrato.

Ou seja, mesmo que a ação atinja US$100, sua perda máxima será de US$1 por contrato. No entanto, mesmo se ela atingir US$300, você ganhará apenas US$9 por contrato.

A estratégia de Call Spread

Como exemplo, vamos usar a compra e venda de opções call com preços de exercício sendo representados pelos pontos A e B na imagem abaixo. Seu lucro potencial será limitado à diferença entre os preços de exercício, menos o prêmio pago. A perda será limitada apenas ao valor do prêmio.

Bull Call Spread

Um call spread aumenta de valor quanto mais próximo estiver do ponto de vencimento. O objetivo final é que a ação esteja no ponto B ou acima no momento do vencimento. No entanto, seguindo o exemplo anterior, você não deve se preocupar com a distância das pontos A e B, pois isso não importa para o tamanho dos ganhos ou das perdas. 

Ao aplicar essa estratégia, vale ressaltar que o investidor deve ter certeza que o mercado está prestes a subir. Caso contrário, se o mercado seguir na direção contrária, mesmo que as perdas sejam limitadas, o seu portfólio pode perder rapidamente uma boa parte do seu valor se você estiver operando altas quantias.

Também vale lembrar o efeito da volatilidade implícita. Embora você esteja comprando e vendendo e permaneça neutralizado até certo grau, isso ainda é uma questão a ser avaliada. Caso o preço da ação ultrapasse o preço de exercício B, o cenário ideal é que a volatilidade implícita diminua. Por outro lado, quando o preço da ação se aproximar do ponto A, o melhor cenário é que a volatilidade implícita aumente. 

Devido à sua complexidade, a estratégia da Trava de Alta deve ser aplicada apenas por traders experientes ou profissionais.

Put Spread

A estratégia put spread, ou bull put spread, como também é chamada, pode ser aplicada quando o trader espera futuros movimentos de alta do preço – em geral, uma alta moderada. Para aproveitar esse movimento, o trader compra e vende duas opções de venda (put) – uma com um preço de exercício mais alto do que o da outra, e ambas com a mesma data de vencimento. Ao fazer isso, ele recebe um crédito inicial, baseado na diferença entre os dois prêmios.

Com put spreads, o trader recebe o dinheiro antecipadamente. O objetivo é manter o máximo possível dessa quantia até o vencimento das opções. Em outras palavras, a ideia é conservar uma parte maior do seu lucro inicial.

Ao operar put spreads, o lucro máximo é igual ao crédito líquido. Isso significa que, no momento em que o profissional aplica a estratégia, ele já recebe o lucro máximo – o próximo objetivo é não perdê-lo. Para evitar que isso aconteça e obter o máximo de lucro possível, o preço do instrumento subjacente deve fechar acima do preço de exercício mais alto.

Por outro lado, o trader começa a perder dinheiro quando o preço do instrumento fica abaixo do preço de exercício mais alto. O motivo é que o titular da opção put provavelmente exercerá seu direito, pois o preço será mais atrativo. No entanto, a vantagem é que o crédito líquido recebido pelo trader no início cobre as perdas caso ocorram quedas moderadas no preço do instrumento subjacente. 

Se o preço das ações ficar muito abaixo do preço de exercício mais baixo, ambas as opções put começam a perder dinheiro. A perda máxima é igual à diferença entre os preços de exercício e o crédito líquido recebido antecipadamente.

Exemplo de Put Spread

Digamos que você esteja interessado em comprar ações da Tesla (TSLA), pois está prevendo um cenário de alta no próximo mês. Atualmente, cada ação é negociada a US$1.000. Para implementar a estratégia de put spread, você deve fazer duas coisas: em primeiro lugar, é preciso vender uma opção put com um preço de exercício de US$1.050 por um prêmio de US$15 e com vencimento em um mês. Em seguida, você deve comprar uma opção put com um preço de exercício de US$990 por um prêmio de US$5 e com vencimento em um mês.

Agora você ganhou um crédito líquido de US$10, que equivale à diferença entre os dois prêmios. Admitindo um contrato de opção equivalente a 100 ações, isso significa que você ganhou US$1.000 com uma única operação.

Como manter seus lucros

Até agora, tudo bem. Mas vamos ver as condições que devem ser cumpridas para que você mantenha todo o lucro. Além disso, é preciso avaliar a quantia máxima que você poderia perder.

Se, por exemplo, as ações da Tesla começarem a subir e atingirem US$1.200 no vencimento, você poderá manter o valor total do crédito líquido recebido inicialmente – ou seja, US$1.000. Em outras palavras, o preço da ação deve ser operado acima do preço de exercício mais alto. No entanto, contanto que o preço esteja acima desse nível, não importa o quanto ele suba. Isso acontece porque o seu lucro máximo é limitado. 

Por outro lado, se a ação ficar abaixo do preço de exercício mais baixo, você terá uma perda máxima de $50 por contrato – a diferença entre as duas opções put, descontando os prêmios, ou simplesmente US$1.050 – US$990 – US$10. Multiplique por 100 (número de ações), e a perda máxima para essa operação específica será de US$500.

A estratégia de Put Spread

O potencial da estratégia de put spread é alcançado quando o preço do ativo subjacente se move ou permanece acima do preço de exercício mais alto. Dessa forma, a opção vendida vencerá com perdas no seu valor, pois ninguém exercerá uma opção a um preço menor que o de mercado. Nesse caso, o trader retém todo o crédito que recebeu inicialmente.

Bull Put Spread

O que você está fazendo aqui é comprar uma opção put no ponto A e vender uma no ponto B. O objetivo final é que o preço continue acima do ponto B para que a opção vendida não seja exercida. 

O risco aqui está limitado à diferença entre os dois preços de exercício (A e B). O mesmo ocorre com o lucro: ele não pode exceder o crédito líquido inicial. Portanto, praticamente não importa de quanto será o aumento do preço do ativo subjacente. 

Assim como no call spread, essa estratégia deve ser usada apenas por profissionais e traders experientes. Antes de aplicar essa estratégia, você deve obter confirmações confiáveis de que o mercado realmente terá uma alta. 

Vantagens e desvantagens da Trava de Alta

Vamos comparar as vantagens e desvantagens da estratégia Trava de Alta para ajudá-lo a descobrir se ela é adequada ao seu estilo, à sua experiência e às suas necessidades de trading:

Vantagens

Limita as perdas potenciais

A melhor coisa dessa estratégia é que ela não deixa sua posição entrar em queda livre, pois a perda máxima é conhecida previamente. No caso dos calls spreads, ela é limitada pela diferença entre o prêmio pago e o prêmio recebido. Já em put spreads, a perda máxima é definida pela diferença entre os preços de exercício menos o crédito líquido.

Pode ser aplicada nas condições de mercado mais populares

Em geral, essa estratégia é usada quando o trader espera altas moderadas no preço do ativo subjacente. No entanto, quando se trata de mercado financeiro, altas grandes e repentinas ou quedas contínuas são muito menos prováveis de ocorrer do que altas moderadas e constantes. Isso significa que essa estratégia costuma ser adequada ao clima geral do mercado.

Reduz os custos de venda das opções

Quando os traders compram e vendem contratos de opções (put ou call) simultaneamente, eles basicamente compensam os custos de emissão, pois pagam e recebem um prêmio. No entanto, para que isso funcione bem, é essencial que ambas as opções sejam comparáveis – ou seja, tenham datas de vencimento e ativos subjacentes idênticos.

Desvantagens

Limita os ganhos

As estratégias de Trava de Alta são uma via de mão dupla – embora limitem as perdas, elas também limitam os ganhos. Na verdade, os ganhos são conhecidos desde o início. No caso do put spread, eles são limitados à diferença entre os prêmios, enquanto no call spread, os ganhos podem subir até o nível do preço de exercício.

Risco de o comprador exercer a opção

As opções dos EUA podem ser exercidas em qualquer dia. Isso basicamente significa que você, como titular de uma opção vendida, é obrigado a cumprir seus requisitos e não tem controle sobre quando isso pode acontecer. Isso significa que a opção por passar por um exercício antecipado. Nesse caso, se não estiver preparado e não tiver capital suficiente em sua conta, você corre o risco de sofrer uma chamada de margem (margin call).

Por outro lado, Travas de Alta sofrem com os efeitos do time decay. Em outras palavras, ocorre uma redução no preço da opção à medida que a data de vencimento se aproxima.

Adequado apenas para traders experientes

As estratégias de Trava de Alta exigem um conhecimento avançado de trading de opções, o que as tornam abordagens bastante arriscadas para iniciantes. Embora sejam muito populares, elas são usadas principalmente por traders experientes e profissionais – ou seja, pessoas que sabem muito bem o que estão fazendo e podem gerenciar todos os riscos envolvidos.

Como calcular seus lucros e perdas

O lucro máximo para as estratégias de call spread e put spread é alcançado quando o preço do ativo subjacente fecha em níveis iguais ou superiores ao preço de exercício mais alto.

Em ambas as estratégias, o trader sofre a perda máxima se o preço do ativo fechar abaixo ou no mesmo nível do preço de exercício mais baixo.

Você pode calcular os pontos de equilíbrio de ambas as estratégias (sem considerar as comissões) por meio das seguintes fórmulas:

Ponto de equilíbrio do call spread = Menor preço de exercício + Prêmio líquido pago

Ponto de equilíbrio do put spread = Maior Preço de Exercício – Prêmio líquido recebido

Put Spread vs. Call Spread

Para entender melhor as duas estratégias, vamos analisar a tabela de comparação a seguir:

 Call SpreadPut Spread
EstratégiaComprar opção call in-the-money
Vender opção call out-of-the-money
Comprar opção put out-of-the-money
Vender opção put in-the-money
NívelAvançadoAvançado
ExpectativasAltas – um aumento moderado no preço do ativo subjacenteAltas – um aumento moderado no preço do ativo subjacente
Tipo de opçãoCallPut
No. de opções adquiridas22
PerdasLimitadasLimitadas
GanhosLimitadosLimitados
Ponto de equilíbrioMenor preço de exercício + prêmio pagoMaior preço de exercício – prêmio recebido
Perda máxima= Prêmio líquido pago= (Preço de exercício 1 – Preço de exercício 2) – Prêmio líquido recebido
Ganho Máximo= (Preço de exercício 1 – Preço de exercício 2) – Prêmio líquido pago= Prêmio líquido recebido
Cenário de perda máximaAmbas as opções vencemAmbas as opções são exercidas
Cenário de ganho máximoAmbas as opções são exercidasAmbas as opções vencem
PagamentoDébitoCrédito líquido

Perguntas Frequentes

Como fechar um call spread?

No caso do call spread, você já comprou uma opção call e vendeu uma opção call. Para fechá-las, você deve vender para fechar a primeira e depois comprar para fechar a segunda. O cenário perfeito ocorre quando você consegue garantir seus ganhos fechando a call spread antes do seu vencimento.

Como determinar os ganhos de uma Trava de Alta?

Um exemplo prático de como determinar os ganhos de uma Trava de Alta é apresentado nos tópicos “Exemplo de Put Spread” e “Exemplo de Call Spread” deste artigo. Se você quiser estimar o lucro máximo, consulte a tabela acima.

Quando usar Travas de Alta?

Podemos usar a estratégia Trava de Alta quando esperamos que os preços dos instrumentos de interesse passarão por uma alta moderada. Além disso, use-a somente se você tiver um conhecimento avançado sobre trading de opções.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados

Retração de Fibonacci – O que é e como usar

Conta de Trading Financiada – Como se tornar um trader financiado

Média Móvel Exponencial – Estratégias e dicas da MME